Astrônomo jesuíta chama a comunicação extraterrestre possível, embora improvável

Em uma linha de tempo longa o suficiente, as chances de descobrir sinais intergalácticos aumentam muito.

Um padre católico é coautor de um estudo sobre comunicações intergalácticas, que teoriza que, em uma linha do tempo longa o suficiente, é possível que a Terra pudesse interceptar mensagens de civilizações extraterrestres.

O artigo, publicado no International Journal of Astrobiology, sugere que a comunicação com uma civilização inteligente está diretamente relacionada a quantas civilizações sofisticadas existem na Via Láctea. O estudo chegou a esta conclusão criando uma simulação que estudou “nós (laço) casualmente conectados”. Nós, no estudo, é um termo para civilizações intergalácticas desconhecidas.

Os pesquisadores executaram esses milhares de nós por meio da simulação, o que os levou a sugerir que a probabilidade de a Terra receber mensagens intergalácticas é geralmente baixa. Eles notam, no entanto, que a probabilidade de tal descoberta aumenta muito se a galáxia for “densamente povoada por civilizações antigas”. Eles sugerem que quanto mais tempo uma civilização existe, maior a chance de ela desenvolver tecnologia que possa ser usada para mensagens intergalácticas.

Coautor do estudo, o padre José Funes, um especialista em galáxias e astronomia extragaláctica que ocupa a cadeira de Ciência, Religião e Educação na Universidade Católica de Córdoba, Argentina, disse ao Catholic News Service:

“Nosso artigo sugere que, embora as chances não sejam muito altas, há uma chance de se comunicar com civilizações extraterrestres”. Ele acrescentou que, “todo esse esforço em estudar probabilidades e se comunicar com civilizações alienígenas ajuda a entender melhor quem somos. É importante sair de nossa forma antropomórfica e antropocêntrica de pensar para lidar com uma diversidade muito profunda, a alteridade cósmica ”.

A equipe continuou observando em seu artigo que podemos aumentar nossas chances de interação com civilizações extraterrestres adotando várias estratégias, incluindo exploração interestelar, colonização e povoamento. Eles também sugeriram sondas que poderiam se autorreplicar como um meio de explorar os confins do espaço.

Saiba mais: https://www.catholicnews.com/can-et-call-anyone-jesuit-astronomer-studies-intragalactic-possibilities/

Fonte da imagem: Daily Express

Compartilhar no facebook
Compartilhar no twitter
Compartilhar no whatsapp
Compartilhar no telegram
Compartilhar no email

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Últimas Notícias

UFOS E AS MISSÕES ESPACIAIS

Desde o início da corrida espacial nossos astronautas têm sido monitorados por UFOs. Qual a verdadeira história por trás disso? No dia 20 de julho

Leia mais »

UFOS DURANTE CONFLITOS MILITARES

Durante quase todos os conflitos militares do planeta, desde os tempos mais remotos até os mais recentes, estranhos objetos têm sido observados no cenário dos entraves.

Leia mais »